O que é a Osteopatia?

A Osteopatia é uma terapêutica não convencional que reúne conhecimentos de anatomia, fisiologia e biomecânica e os integra numa abordagem global, a qual é a soma de três abordagens: a abordagem estrutural, na qual foca a sua atenção no tratamento dos problemas músculo-esqueléticos, recorrendo a técnicas de terapia manual; a abordagem visceral e a abordagem cranial.

O principal objetivo da avaliação osteopática é identificar as restrições de movimento e da função em relação com os sintomas do utente.
Esta é uma abordagem terapêutica exclusivamente manual, que, intervindo sobre os diferentes sistemas e tecidos do corpo humano, visa eliminar a dor, restabelecer o movimento, a função e vascularização normais.

A Osteopatia é indicada em que situações?

As áreas de intervenção da osteopatia são bastante abrangentes.
De uma forma geral, é indicada em perturbações do sistema neuro-músculo-esquelético, como disfunções osteo-articulares, alterações musculares tendinosas ou ligamentares, lesões nervosas, por traumatismos, ou acidentes, agudas ou crónicas, com ou sem sintomatologia associada, como prevenção e tratamento.
Assim podemos diferenciar nas seguintes áreas de intervenção:

  • Problemas Músculo-Esqueléticos: permite intervir em situações de lombalgia, cervicalgia, hérnia discal lombar e cervical, protusão discal, dor ciática, torcicolo, etc;
  • Problemas Craniais: permite intervir em problemas de cefaleias, tonturas, zumbidos nos ouvidos, disfunções da articulação temporomandibular – ATM, etc;
  • Problemas Viscerais: permite intervir em problemas de hérnia de hiato, refluxo gastroesofágico, gastrite, úlcera em fase inicial, hemorróida, hérnia Inguinal, dismenorreia (Dor na menstruação), obstipação, etc;
  • Problemas de Foro Pediátrico: pertinente em contexto de check up pós-parto, após parto com utilização de ventosas ou fórceps, permitindo intervir em problemas de alterações da estrutura/forma cranial do bebé – plagiocefalia (link), torcicolo congénito (link), transtornos digestivos (distúrbios da sucção/deglutição, cólicas, refluxo gastroesofágico, hérnia de hiato, gases, diarreia, obstipação), bronquiolites, otites de repetição, bloqueio do canal lacrimal, bebé com choro intenso frequente, transtornos do sono, agitação, nervosismo,etc.

Porquê recorrer à Osteopatia?

São diversas as razões que motivam alguém a recorrer à Osteopatia:

  • Eliminação de quadros de dor aguda e crónica;
  • Tratamento da verdadeira causa da dor e não apenas o sintoma, recorrendo a técnicas mais atuais e que reúnem maior evidência científica;
  • Tratamento individualizado e adaptado às necessidades reais de cada caso clínico;
  • Porque na maioria das situações os resultados clínicos obtidos são bastante rápidos e eficazes.

Quais os benefícios da Osteopatia?

São vários os benefícios que a Osteopatia pode proporcionar, tais como:

  • Eliminar e prevenir quadros de dor aguda e crónica;
  • Restaurar a mobilidade, favorecer a vascularização e, consequentemente, a funcionalidade do corpo;
  • Elevar os níveis de qualidade de vida e saúde;
  • Contribuir para uma maior eficiência na realização das tarefas do dia a dia, seja na vertente profissional, lúdica ou desportiva.

Para quem é indicada a Osteopatia?

A Osteopatia é pertinente em qualquer faixa etária, sendo que o tipo de técnicas selecionadas mediante a avaliação clínica efetuada, é sempre adaptada à condição individual, considerando as indicações/contra-indicações terapêuticas específicas a cada utente.
Do bebé ao idoso, passando pela grávida e pelo desportista, todos podem beneficiar com a intervenção da Osteopatia.

Porquê optar pela Osteopatia na FISIOVIDA?

A FISIOVIDA destaca-se como uma clínica especialista e de referência em Osteopatia pelo facto de:

  • CTodos os osteopatas são também fisioterapeutas pelo que, na avaliação e intervenção clínica, o utente pode beneficiar da soma entre estas duas áreas de conhecimento;
  • A FISIOVIDA privilegia o trabalho integrado, com uma equipa bastante diferenciada, em que todos os osteopatas têm até 9/10 anos de formação especializada: 4 anos de licenciatura em Fisioterapia + 2 a 6 anos de formação em Osteopatia pela Escola de Osteopatia de Madrid (EOM) ou pela Academia Belga;
  • Cada utente tem sempre um osteopata em exclusivo, durante uma hora, com diversas especializações e com experiência acumulada de vários anos de prática clínica;
  • A Osteopatia, à semelhança de outras metodologias utilizadas na FISIOVIDA, tem uma visão global do utente e o seu principal objetivo é encontrar a(s) causa(s) primária(s) do problema, intervindo sempre que possível sobre a(s) mesma(s);
  • Obtenção de reembolso do valor investido nas consultas: a maioria dos subsistemas de saúde (ADSE, SAMS, SAD, entre outros) e seguros de saúde (AdvanceCare, Médis, Multicare, entre outros) comparticipam, em regime livre, os tratamentos realizados na FISIOVIDA, sendo que em alguns casos, o reembolso pode chegar a atingir 90% do valor investido;
  • Possibilidade de deduzir no IRS o valor investido nas consultas.
  • Frequentemente é conjugada com outras áreas, permitindo desta forma a otimização de resultados e a sua manutenção a longo prazo, tais como:
    • Fisioterapia Avançada;
    • Reeducação Postural Global;
    • Pilates Clínico e ginástica Abdominal Hipopressiva;
    • Exercício Clínico e Otimização da Performance (ECOS);
    • Nutrição Funcional;
    • Fisioterapia Dermato-Funcional;
    • Saúde da Mulher/Homem

    ou beneficiar do conhecimento de profissionais de outras áreas externas à FISIOVIDA como:

    • Ortopedia;
    • Traumatologia;
    • Desporto;
    • Patologia Respiratória;
    • Neurologia;
    • Uroginecologia;
    • Pediatria;
    • Psicologia.

Especialidades - Osteopatia


Especialidades - Osteopatia
Especialidades - Osteopatia
Especialidades - Osteopatia
Especialidades - Osteopatia

Testemunhos

A partir do momento em que tive conhecimento da Fisiovida, a minha qualidade de vida melhorou substancialmente. Tenho graves problemas a nível postural e com osteoporose elevada. Graças à técnica do R.P.G. e à Osteopatia, aplicada pelos profissionais da Fisiovida, a minha postura melhorou, assim como também os meus orgãos internos começaram a funcionar melhor, nomeadamente, os intestinos e o estômago, que estavam sobrecarregados de medicamentos. Têm profissionais de grande competência e de muita amabilidade.
Parabéns pelo vosso trabalho.

Luís Pacheco

A osteopatia, na minha opinião, é uma terapia essencial à vida do ser humano. A partir do momento em que descobri o Dr. Samuel da Clínica Fisiovida, a minha saúde física e mental mudaram radicalmente. Passei a respirar melhor e corretamente, a minha postura global começou a melhorar e com isso todos os meus órgãos internos começaram a funcionar com mais harmonia assim como a minha concentração e intelectualidade aumentaram. Tudo isto refletiu-se na minha imunidade que aumentou imenso e na minha energia do dia-a-dia. A osteopatia e a técnica de RPG que o Dr. Samuel aplicou em mim, tiveram grande impacto positivo na minha vida, e só tenho a agradecer a sua grande competência e amabilidade. A sua competência e capacidade são imensas, penso que o Dr. Samuel estará na lista top 5 dos melhores osteopatas de Portugal, disso não tenho dúvidas. Recomendo vivamente a Clínica Fisiovida!

Katarina Pereira

Marcação de Consulta Online


Primeiras Consultas

Consultas Seguimento