A FISIOVIDA tem ao seu dispor no Porto o serviço de Fisioterapia Respiratória que auxilia significativamente pessoas (crianças, adultos e idosos) com prolemas/patologias respiratórias, ou que tenham o risco de as desenvolver.

A Fisioterapia Respiratória recorre a um conjunto variado de técnicas manuais e instrumentais de limpeza das vias aéreas (remoção de secreções), exercício clínico (aeróbio, força e flexibilidade), posicionamento seletivo, técnicas de controlo respiratório, técnicas de ventilação e expansão pulmonar e torácica, etc.
Estas técnicas têm como objetivo melhorar/controlar os sintomas (falta de ar, cansaço, dor), limpeza das vias aéreas (remoção de secreções/expetoração), melhorar as trocas gasosas (melhorar a respiração), aumentar a capacidade para o exercício e atividades de vida diária e prevenir as infeções respiratórias.
A Fisioterapia Respiratória é útil em qualquer fase do ciclo de vida, em qualquer faixa etária, desde recém-nascido e criança à população com idade mais avançada. É benéfica em condições patológicas crónicas e agudas (críticas e não críticas) como por exemplo:

  • Síndromes Obstrutivas (Asma, DPOC, Fibrose Quística, Bronquiectasias);
  • Síndromes restritivas (Fibrose Pulmonar, Derrame pleural, Cifoescoliose, Atelectasias);
  • Exacerbações/Agudização nas síndromes obstrutivas e restritivas;
  • Infeções respiratórias (Pneumonia, Bronquiolite);
  • Doenças neuromusculares;
  • Lesões vertebro-medulares altas;
  • Paralisia Cerebral;
  • Esclerose Múltipla;
  • Doentes acamados e/ou mobilidade reduzida;
  • Pós cirurgia Torácica/Abdominal;
  • Obesidade Mórbida.

    A fisioterapia respiratória é sem dúvida uma intervenção útil, custo-efetiva, e que contribui para a melhoria da funcionalidade e qualidade de vida relacionada com a saúde dos doentes respiratórios.

    Para além de técnicas respiratórias dentro da Fisioterapia Avançada que visam potenciar o trabalho diafragmático, a expansibilidade torácica e o aumento da capacidade de extração de O2 a nível muscular, a FISIOVIDA apresenta áreas que se complementam no sentido de uma resposta crescente a alterações cárdio-respiratórias acima descritas.

    Através da Medicina Chinesa é possível regular o tónus diafragmático atuando no sistema neuro-vegetativo e trabalhar no campo energético e emocional combatendo estes desequilíbrios. Com Pilates Clínico, em que dois dos princípios chave são a respiração e o controlo motor através do trabalho diafragmático é possível incidir sobre alterações posturais conferindo-lhes movimento e estabilidade. A Ginástica Abdominal Hipopressiva permite a regulação do centro respiratório pneumotáxico através das posturas, respiração e da estimulação dos barorecpetores da caixa torácica originando respostas motoras a nível do sistema postural e neuro-vegetativo. Para além destes métodos, poderemos destacar também o contributo que a Reeducação Postural Global – R.P.G. e a Osteopatia podem oferecer na ajuda ao tratamento de problemas cárdio-respiratórios.

    O fisioterapeuta na área respiratória pode intervir em vários contextos clínicos, inclusive no domicílio. Se tem alguma destas patologias/problemas, e quer evitar sair de casa, o contacto com muitas pessoas, e as salas de espera, a FISIOVIDA tem assim, a solução para si. A FISIOVIDA dispõe de uma intervenção individualizada e especializada na área da Fisioterapia Respiratória, no seu domicílio.

    A Fisioterapia cárdio-respiratória é muito mais do que as simples “pancadinhas” nas costas que usualmente se vê por aí e o recurso infinito a nebulizadores.

    Escolha a diferença! Escolha a metodologia avançada!

    Quer perceber melhor a diferença deste nosso tratamento inovador de Fisioterapia?Contacte-nos

  • Fale Connosco

    * campos obrigatórios