Previna acidentes de viação!

Vá de férias em segurança!

Passar muito tempo a conduzir é considerado um fator de risco para o surgimento de dor nas costas. Infelizmente, muitas pessoas precisam de conduzir para poderem trabalhar e não têm outra alternativa senão conduzir diariamente e, em muitos casos, durante várias horas seguidas. Uma boa postura ao conduzir pode ajudar não só a prevenir as dores de coluna como também a minimizar as lesões resultantes de um acidente.

Seguem algumas dicas para melhorar a postura de quem encara diariamente o trânsito cada vez mais caótico das grandes cidades:

#1- É importante regular corretamente a inclinação do banco. Para um bom ajuste é importante manter o banco ereto. O melhor ângulo é entre 100º e 120º. A inclinação excessiva, isto é, conduzir praticamente deitado, aumenta o risco de deslizar sob o cinto no caso de uma colisão; um encosto demasiadamente reto deixa os músculos tensos provocando desconforto. Certifique-se que a sua coluna lombar e costas estejam completamente em contato com o encosto (as suas costas agradecem!!!)

#2- A distância do assento deve ser ajustada de modo que ao pressionar os pedais da travagem e embraiagem os joelhos devem permanecer discretamente fletidos. Este pormenor é importante porque se os joelhos estiverem totalmente esticados no momento de uma colisão, a energia do impacto pode fraturar as pernas, bacia ou mesmo a base da coluna vertebral. Se precisar dobrar os joelhos a 90º para afastar os pés dos pedais significa que você está perto demais. Uma flexão excessiva dos joelhos atrapalha a circulação do sangue, principalmente se você for conduzir durante muitas horas. Além disso, no caso de uma colisão os seus joelhos podem ser “esmagados” contra o painel do carro o que pode lesionar seriamente os seus joelhos.

#3- Ajuste do volante. Muitos carros modernos permitem ajustar a altura e a distância do volante. A primeira medida em relação ao volante é posicioná-lo de maneira que se tenha visão do painel sem precisar mover a cabeça para ler alguma informação. O volante também não deve tocar nas coxas – deixe a distância de cerca de um punho entre as suas pernas e o volante.

A FISIOVIDA deseja a todos os seus seguidores uma ÓTIMA VIAGEM!!