O ECOS na Patologia Cardiovascular e Respiratória

O Exercício é considerado intervenção Gold Standard (tratamento de referência) e deve ser incluído num programa multidisciplinar de REABILITAÇÃO CARDIORRESPIRATÓRIA em diversas patologias cardíacas e respiratórias, agudas e crónicas, como o enfarte agudo do miocárdio, Hipertensão Arterial, Asma, Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC), Fibrose Pulmonar, Fibrose Quística, Bronquiectasias, Sequelas de derrame pleural, pneumotórax e/ou infeções respiratórias (ex: Pneumonia), entre outros.
Muito embora em Portugal ainda haja um grande caminho a percorrer na oferta, divulgação e aplicabilidade dos programas de reabilitação cardiorrespiratória, a FISIOVIDA coloca ao seu dispor Fisioterapeutas especialistas nesta área, para que de forma adequada e segura, sinta os benefícios do exercício na sua condição de saúde.
Através dos seus efeitos a curto e longo prazo, o exercício promove o aumento da capacidade pulmonar e cardiovascular e a melhoria do desempenho do sistema músculo-esquelético (resistência e força), com tradução na performance das atividades do dia-a-dia.