Coluna “corcunda”…O colete que vemos nos anúncios da TV é a solução?


“Sinto-me a ficar cada vez mais corcunda e com os ombros cada vez mais enrolados para a frente!! O colete que é publicitado na TV é a solução para resolver o meu problema?!”

A resposta é NÃO. E porquê?
O nosso corpo é composto por uma série de estruturas – ossos, ligamentos, articulações, nervos, artérias, cápsulas, fáscia e sobretudo por músculos e tendões. Cada uma destas estruturas, tem uma função vital para que todo o nosso corpo esteja em perfeita harmonia no dia-a-dia.

Apesar de parecer uma tarefa simples, a postura depende da ação conjunta destas várias estruturas. Ela é controlada por zonas do cérebro não conscientes que se adaptam e moldam constantemente consoante a informação que recebe das diferentes partes do corpo. Além da informação relativamente à posição de cada parte do nosso corpo enviada por estas estruturas, há outros sistemas que são responsáveis e que influenciam a postura. São os chamados captores posturais – os olhos, o sistema vestibular, a articulação temporo-mandibular (ATM) e os pés. Depois de processar toda esta informação o SNC (Sistema Nervoso Central) manda informação para todas estas estruturas de forma a que estas se adaptem e se moldem perante a tarefa a executar e o seu meio envolvente.

No dia-a-dia, o nosso corpo vai sempre à procura do que é mais cómodo e do que permite gastar menos energia. Neste sentido, é muito frequente a aquisição de más posturas, no entanto se utilizar um colete para qualquer tipo de correção, seja para os ombros, para a coluna torácica ou mesmo para a coluna lombar o que vai acontecer é:

1. Alteração da perceção do SNC – o cérebro como “processador” do nosso corpo vai receber informação desajustada do contexto das outras estruturas (ligamentos, músculos, articulações…) e automaticamente enviará uma informação igualmente desajustada para que estas estruturas se adaptem em função da postura.

2. Atrofia dos músculos – o colete vai dar suporte ao corpo deixando de utilizar os músculos responsáveis pela postura. Quando retirar o colete, esses músculos deixam de ter capacidade de se ativar com a força, velocidade e no tempo correto.

3. Sobrecarga de outras estruturas – todas as estruturas do corpo estão interligadas e em constante relação. A correção forçada de uma das regiões do corpo (por ex: ombros) origina compensação noutra região (por ex: coluna torácica e lombar). Isto gera um aumento de tensão nas estruturas aumentando assim o risco de lesão/dor.


Estas são as principais razões pelo qual a utilização de colete para correção da postura é TOTALMENTE DESACONSELHADA.

É importante saber que ao longo da vida o nosso corpo vai adquirindo alterações posturais e, mesmo que não sejam normais ou que sejam fonte de dor ou outros problemas, não podemos mudar essas alterações num segundo com a utilização do colete.


Se quer melhorar a sua postura procure um profissional qualificado pois ele poderá elaborar um plano adequado para melhorar a sua postura! NÃO SE ILUDAM! NADA SE FAZ SEM TRABALHO!