Acupuntura no Síndrome de Raynaud

Na FISIOVIDA com a ajuda da Acupuntura que desenvolve no Porto, é possível dar uma resposta bastante satisfatória para síndromes, como o de Raynaud para o qual muitas vezes não existem terapêuticas eficazes.

Este síndrome carateriza-se por episódios reversíveis de espasmos dos vasos sanguíneos nas extremidades do corpo causando palidez, seguido de cianose e rubor nas mãos e pés ocorrendo após a exposição ao frio ou após episódio de stress.

É mais comum em mulheres, indivíduos jovens e entre membros da mesma familia.

A frequência e gravidade dos sintomas são influenciadas por variações diárias de temperatura com nítida exacerbação no Inverno.

Este síndrome é um desequilíbrio entre vasodilatação e vasocontrição, com favorecimento da vasoconstrição, ou seja, aperto dos vasos sanguineos.

A Acupuntura é um coadjuvante do tratamento contribuindo para a redução dos sintomas de stress, ansiedade, evitando, desta forma, o desencadeamento do processo de vasocontrição.

É usada também a vertente de moxabustão de forma a aumentar a temperatura corporal e assim permitir uma regulação energética e maior fluidez na circulação corporal.